Trilha sonora da leitura

segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

Volúpia - Jéssica Anitelli

http://skoob.s3.amazonaws.com/livros/292205/VOLUPIA_1357264588P.jpg Sinopse: A primeira troca de olhares foi o suficiente para que ela não saísse mais de sua mente. Enzo não conseguiu se esquecer daquela jovem de olhos e cabelos negros e de lábios rosados. Ele não sabia, mas sua vida mudaria a partir do momento em que suas bocas e corpos se encontrassem. O amor mais intenso e arrebatador que ambos já sentiram. Clara o levaria aos céus e ao mesmo tempo ao inferno, misturando paixão, excitação, desejo, desconfiança e ódio. Esse amor cercado de prazeres será embalado ao som de danças que deixarão os olhos de Enzo vidrados nos movimentos corporais de sua amada, sempre admirando-a. Sucumbirá aos desejos dela, mas sofrerá por vê-la derramar lágrimas de tristeza, sentindo-se cada vez mais impotente por não poder ajudá-la. Entregue-se a todos essas emoções, pois Volúpia mexerá com os seus sentimentos mais do que você pode imaginar.


Enzo já passou por várias coisas nessa vida, desde não ter um pai, até ser um garoto rebelde que procura seu escape em drogas cada vez mais fortes. Desde o começo de sua vida sempre teve apoio de seu melhor amigo, Vinícius, que é um cara diferente da maioria, pois pode beber ou cheirar o que for que não se vicia e não fica bêbado, além de conseguir ir muito bem na escola sem nunca estudar.
Tanto Enzo quanto Vinícius não tiveram a sorte de se apaixonar até o momento que o livro começa, por isso não vou te dizer que é um livro meigo de cenas doces, porque não é, Enzo é realmente aquele cafajeste comum e Vinícius não fica muito atrás, eles não estudam, usam drogas, nem lembram direito com quem ficaram e por ai vai.
Tudo muda apenas em uma bela noite de balada onde ele vê pela primeira vez Clara, uma garota linda e misteriosa que poderá mudar sua vida toda.

- “[...] Naquele dia na boate eu já percebi algo de diferente em relação a ela, algo que me levaria aos céus e ao mesmo tempo ao inferno. Sensações tão intensas que nunca me cogitei capaz de sentir."- Página 266 

Ela o ajuda a parar de usar drogas e se concentrar nos estudos, além de ajuda-lo a entender que sua mãe tem o direito a fazer o que bem entender com a sua vida.


 ”- Parecia que só com seu toque, Clara tirava tudo de ruim de dentro de mim e me devolvia à luz. Não sei explicar direito, mas estar com ela era maravilhoso, ela tinha uma energia diferente que percorria meu corpo fazendo com que a amasse ainda mais." – Página 137.

Porém Clara guarda um segredo que apenas o tempo poderá revelar que pode e irá abalar muito a vida de todos os envolvidos.

“- Eu não consegui mais me ver sem ela na minha vida. Clara passou a ser a outra metade da minha existência." - Página 130.

 O livro é forte e bem pesado no começo e no fim, pois trata de vários assuntos complicados, como drogas [ que eu achei uma boa critica], uma mãe conturbada que esquece que tem um filho, uma família diferente e amizades.
As cenas hot são realmente hot, nada amenizado, porém a linguagem não é chula e nem ofensiva como eu vi em alguns outros livros de mesmo gênero. 
Outra coisa que me chamou bastante a atenção foi o modo como as mulheres são retratadas, apesar do livro ser  narrado por Enzo, ou seja, em primeira pessoa , e contar com vários elementos do universo masculino, em momento algum ele desrespeita as mulheres ou as coloca como inferiores.
Coisa que me leva a outro ponto: a narração. Assim que comecei a ler e percebi que era um garoto narrando eu fiquei pasma, porque além de ser um gênero ousado ainda houve a proposta de escrever como um garoto, motivo que só fui entender ao final do livro.
Encontro-me profundamente apaixonada pelo livro e ainda pensando nele, a leitura depois do começo se torna fácil, o que faz com que o livro tenha um ritmo médio. 
Ele não é como os hot's que estamos acostumados a ver, pois tudo gira ao redor de uma história e um contexto não é apenas um ato sexual.
Beijos!

12 comentários:

  1. Olá Lari!

    Simplesmente amei sua resenha. Aborda vários dos sentimentos do livro.
    Agora é só esperar que uma editora o aceite e que ele possa fazer mais várias pessoas se apaixonarem, assim como vc e eu *-*

    Abraços e beijos
    Jéssica Anitelli
    http://jessicaanitelli.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      Awn! Você não sabe como é bom ler isso! Estou na torcida também!
      Beijos!

      Excluir
  2. Isso aí Lari. Conseguiu expor sua opinião sobre o livro de uma forma bem interessante.

    Mal vejo a hora da publicação e ter o livro "físico" em mãos xD

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada!
      Eu também não, estou louca por isso!!

      Excluir
  3. Amei a resenha lari!
    e já quero ler esse livro claro!
    amo livros fortes, com problemas reais como uso de drogas então acho suuper interessante! e narração masculina ainda?! preciso de mais nenhum outro motivo pra amar esse livro, já tô amando!rsrs
    beijos2

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. AAwn, é bem sua cara e eu tenho CERTEZA que você vai amar amar que nem eu amei.
      Beijos!

      Excluir
  4. Talvez o ponto alto da narrativa seja ela ter sido realizada por um personagem do sexo masculino. A maioria dos livros hot não abordam a temática pela visão masculina por considerá-la machista.
    Adorei o livro também e mal vejo a hora de tê-lo em mãos *-*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade! Sem dúvida alguma é o grande diferencial. Toca aqui pam,porque o livro é mesmo massa!
      Beijos!

      Excluir
  5. Eu ainda tô lendo, mas concordo com o que diz.

    Uma coisa que gostei é justamente a crítica ao modo ocmo ele vive, ela mostra que não traz nada de bom, apenas uma vida vazia.

    Espero ter o físico em mãos também! \o/

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mesmo? Comenta comigo lá no facebook quando terminar!
      Isso ai! Torcida!
      Beijos!

      Excluir
  6. Ainda não saiu o livro? Como assim?... EU QUERO!

    ResponderExcluir

Obrigada pelo seu comentário! Volte sempre!